Elaboração de Escala de Trabalho

elaboracao-escala-trabalho

Nos dias de hoje, é cada vez mais essencial a realização de Escalas de Trabalho, e os motivos para isso não são nada limitados.

Em primeiro plano, as escalas de trabalho são necessárias pela própria organização do trabalho. Sem elas, a sua empresa poderá ficar totalmente bagunçada, e você só vai perceber isso quando nenhum profissional de tal área da empresa estiver disponível em um dia de trabalho, afinal, sem perceber você acabou dando folga para todos.

Além disso, a falta de elaboração de escalas de trabalho pode acarretar em problemas trabalhistas, já que muitos funcionários podem acabar não se sentindo satisfeitos com essa falta de organização.

Algumas regulamentações devem ser seguidas: existem escalas em que se trabalha seis dias e se folga um, outros em que se trabalha cinco e se folga dois (finais de semana), outras em que se trabalha oito horas por dia, seis horas por dia, doze horas por dia (onde se trabalha um dia sim e um dia não) e outras. E, para evitar quaisquer problemas trabalhistas é necessário organizar as escalas de trabalho dos funcionários com cuidado.

Além disso, é dessa forma que nenhum profissional sai prejudicado.

Mas afinal, quais são as dificuldades dessa elaboração da escala de trabalho?

Por mais simples que a organização da escala de trabalho pareça, existem algumas dificuldades que sempre acabam por prejudicar a organização exata desse serviço, como é o caso da portaria 1510 ou então da própria CLT – Consolidação das Leis do Trabalho.

Além disso, alterações e furos nos horários já pré-estabelecidos, férias de funcionários de tais áreas da empresa e outros também são fatores que influenciam e dificultam a criação das escalas de trabalho.

E é por conta disso que é necessário contar com ajuda na hora de elaborar a escala de trabalho da sua empresa, e as opções nos dias de hoje são um modelo de planilha que pode ser criada até mesmo no Excel ou então um software específico.

Essas opções irão lhe ajudar a organizar quantos profissionais você tem em cada setor da empresa, assim como saber quais são as regras estabelecidas pela CLT por cada uma delas. A partir disso, você poderá dar folgas e férias para cada um deles sem deixar ninguém prejudicado, tanto os funcionários quanto a empresa.